www.elianeaccioly.net

VIDA SE FAZ POR CONTÁGIO

Meu Diário
05/05/2012 21h07
O poema

Ser mãe é atávico:
mais mar que terra

O leite materno baleia e golfinho
vulcão e lava

Ser mãe é ser montanha gretada,
e ser deserto entre um ou dois oásis

É ser uma duna
que lá nos milênios foi ilha vulcânica,
lavrada em lava


Ser mãe é ser um tanto
e um quase nada


Publicado por Eliane Accioly em 05/05/2012 às 21h07

Site do Escritor criado por Recanto das Letras